Início Notícias Meio Ambiente Semana do Meio Ambiente: água potável, você sabe como é tratada a água que você toma?

Semana do Meio Ambiente: água potável, você sabe como é tratada a água que você toma?

Cerca de 3 minutos de leitura

Realização de análise diária de água no laboratório de Urupês -  Foto: Carina Costa

Realização de análise diária de água no laboratório de Urupês - Foto: Carina Costa

Por Carina Costa - Departamento de Comunicação Social

Publicado em 04/06/2020 14h27 - Atualizado em 04/06/2020 16h45

Quando você abre a torneira para lavar as mãos ou os alimentos, escovar os dentes ou encher uma garrafa, você consegue imaginar qual o processo que ocorre para que essa água transparente, límpida e potável chegue até sua casa?
As etapas fazem parte de um processo químico em que o procedimento é minucioso, e em Urupês as análises são diárias para que toda a população receba água com a qualidade e o melhor nível de PH.
O município possui diversos poços de abastecimento pela cidade, e, é através desses poços que a água é captada e após tratamento é distribuída para todas as residências, além disso, o setor de água e esgoto está trabalhando esta semana em obras, para atender e suprir a crescente demanda.
Cláudio Scarso e Juliana Costa Carnielo atuam no setor de água da prefeitura e são responsáveis pelas coletas de amostras e análises diárias. Cláudio é o responsável pela coleta de amostras da água de todos os poços que abastecem o município. E a Juliana é quem analisa as amostras e confere se todas estão dentro dos padrões determinados pela Vigilância Sanitária.
Na prática, a análise mede a quantidade correta de PH, Cloro, Flúor, se não apresenta turbidez e a presença de bactérias.
Após analisada, a água passa pelo saneamento, através de bombas dosadoras todos os poços recebem o Cloro, Flúor e todos os componentes necessários para manter o padrão ideal. A utilização do Cloro é para inibir bactérias enquanto a adição do Flúor é para evitar as cáries dentárias.
Os cuidados básicos não se limitam a análises locais, para maior segurança da população, todo mês a Vigilância Sanitária envia amostras da água do município para o laboratório Adolf Lutz em São José do Rio Preto, para uma reanálise com o objetivo de manter a qualidade da água.
Juliana explica que durante a análise a água de todos os poços de distribuições tem que estar com:
PH = 6.5 a 9.5;
CLORO = 0.2 a 2.0 mg/L;
FLÚOR = 0.60 a 0.80 mg/L; e
TURBIDEZ = 0 a 5 NTU.

Não perca nenhuma notícia 🔥

Inscreva-se gratuitamente e receba as notícias mais quentes da cidade diretamente em seu e-mail.

Notícias recomendadas

Pesquisar por assunto